Olá, tudo bem? Hoje eu vim aqui para falar que a Black Friday está chegando!

A Black Friday está chegando! Foto: Pixabay

A Black Friday está chegando! Foto: Pixabay

 

Há cerca de 10 anos atrás, o termo Black Friday ainda era pouco conhecido no Brasil, mas nos últimos anos, cada vez mais lojas e empresas estão aderindo a celebração como uma importante data para aumentar as vendas.

Mas antes de falarmos sobre algumas estratégias de marketing sobre o tema, você sabe onde a Black Friday surgiu?

 

Como surgiu a Black Friday?

Há várias versões. A mais aceita é a de que a Black Friday (“Sexta- Feira Negra”) teria surgido na década de 1960, nos EUA, como uma gíria policial da Filadélfia, na Pensilvânia.

É como os tiras de lá costumavam se referir ao intenso movimento de carros (e de compras!) que tomava conta das ruas da cidade um dia depois do feriado de Ação de Graças. Se os policiais detestavam o trânsito caótico, os lojistas adoravam o vaivém de consumidores. Para eles, a Black Friday marcava o início da temporada de compras para o Natal. Com os preços lá embaixo, as pessoas podiam comprar mais e mais. Era a chance que os vendedores tanto esperavam para sair “do vermelho” e voltar para o “preto”.

Logo, os EUA exportaram a Black Friday para outros países. No México, onde ganhou o nome de El Buen Fin (“Bom Fim de Semana”), a promoção dura três dias. No Canadá, a Boxing Day acontece um dia depois do Natal, em 26 de dezembro. No Brasil, a Black Friday só chegou, oficialmente, em 2010, adotada pelas lojas online.

Fonte: Mundo Estranho

 

O que é o feriado de ações de graças?

No Brasil este feriado não existe, mas nos Estados Unidos e no Canadá ele é comemorado de forma muito parecido com o qual comemoramos o Natal.

É um feriado totalmente familiar, onde as pessoas costumam viajar quilômetros e quilômetros para estar presente com a família e amigos e comemorar com muita fartura de comida e bebidas.

No entanto, EUA e Canadá comemoram em datas diferentes. Enquanto o Canadá comemora o feriado sempre na 2º segunda-feira de Outubro, nos EUA é comemorado sempre na 4º quinta-feira do mês de novembro.

E assim como aqui no Brasil o dia após o feriado de Natal há um grande movimento nos centros de compras, nos EUA esse movimento acontece um dia após o feriado de Ação de Graças, ou seja, na sexta-feira, dando origem às promoções da Black Friday.

 

Como é a Black Friday no Brasil?

Infelizmente, no Brasil esse evento ainda não é muito bem visto por todos os consumidores. Isso porque lá no começo, quando as empresas começaram a usar a data de forma promocional, algumas empresas usaram de má fé, dobrando o valor habitual do produto dias antes e voltando ao preço normal no dia do evento, ou seja, proporcionando desconto zero.

Mas isso não significa que todas as empresas trabalhem de forma desonesta. Aliás, com a data sendo incorporada por mais empresas ano a ano, as que agem de boa fé conseguem ir transformando essa imagem ruim em boa a cada ano.

Então, nos dias de hoje, trabalhar este evento como uma estratégia de marketing é super vá

 

Como eu incorporo esse evento em meu negócio?

O grande lance da Black Friday é realmente um grande desconto sobre um produto ou serviço.

Então, se for para dar um desconto de R$ 10 em cima de uma peça de R$ 150 nem vale a pena entrar na onda, pois os consumidores irão questioná-lo sobre o valor do desconto e, pior ainda, corre o risco de ser como uma empresa da “Black Fraude”.

É muito melhor você escolher um único produto ou serviço e dar um desconto real de 30% ou mais do que oferecer pequenos descontos em diversos produtos ou serviços onde o consumidor não enxerga como desconto e sim uma variação normal de preços entre concorrentes.

 

E como divulgar?

É muito importante que o seu cliente saiba que você irá aderir ao evento da Black Friday e isso pode ocorrer de várias formas.

Estar nas redes sociais é muito importante, mas será apenas mais do mesmo, porque todas as outras empresas estarão anunciando lá também, inclusive os seus concorrentes.

Mas seria muito bacana ações com impressos, com cupom de desconto diferenciado, por exemplo, para quem comprar no mês de novembro, haverá um cupom com um mega desconto. Mas para os demais clientes, você pode enviar uma mala direta com descontos menores, por exemplo.

Você também pode criar descontos através de jogos: coloque uma charada e quem conseguir adivinhar pode ganhar um desconto ainda maior!

Indiferente da forma de divulgação é muito importante deixar bem claro quais são as condições do desconto aplicado.

A intenção da Black Friday é captar novos clientes e manter um relacionamento com os clientes atuais, então, é preciso que a ação seja pensada no seu público-alvo, que seja um desconto justo, claro e que o faça feliz. Dessa forma, sua empresa irá arrasar!

 

Precisa de um impresso? Fale com o departamento comercial da Gráfica Cartex!

WhatsApp chat